Você é uma Skinchecker?


Débora Lublinski
por: Débora Lublinski

 

 

Adoramos o cartaz da campanha que incentiva a gente a checar nos pintas e a de nossos filhotes para evitar o super perigoso câncer de pele. Fique de olho! (foto:  divugação Adoramos o cartaz da campanha que incentiva a gente a checar nos pintas e a de nossos filhotes para evitar o super perigoso câncer de pele. Fique de olho! (foto: divulgação)

 

Mamãe e filhinho dálmatas, todos pintadinhos, estão aí na foto para lembrar você da importância de checar se existe alguma pinta suspeita na sua pele e na pele de quem você ama. Esse é o mote da campanha Skincheckers, uma iniciativa dos laboratórios La Roche-Posay e da Sociedade Brasileira de Dermatologia, para prevenir o câncer de pele.

 

Ser uma uma Skinchecker ou uma “checadora de pele” significa estar atenta a alguns sinais – nos seus filhos, no marido e, acima de tudo, em você. Porque mãe, a gente sabe, deixa tudo o que diz relacionado a ela mesma para depois – e não pode! Eu mesma, uma maníaca por filtro solar por ter histórico de câncer de pele na família, me descuidei bem sob o sol quando a minha filha era bebê. Eram tantas coisas para organizar e fazer na hora de ir à praia que, na minha vez, duas gotas de protetor solar viravam proteção máxima. E estão longe de ser!

 

Por isso, vale a pena conhecer uma regrinha de ouro, que ajuda a identificar se uma marca é ou não perigosa (para o melanoma, o tipo mais agressivo de câncer de pele). Os dermatologistas chamam de tabela ABCDE:

 

A de Assimetria: o desenho da marca é todo recortado.

 

B de Bordas irregulares: quando a pinta não é redondinha e uniforme.

 

C de Cor: pode haver um ou mais tons na cor da pinta.

 

D de Diâmetro: tamanho aumentado.

 

E de Evolução: quando existe uma mudança na pinta, que pode ser qualquer uma das variáveis acima ou outros sintomas, como descamar ou coçar.

 

É claro que a avaliação e o acompanhamento médico são fundamentais – eles são os expert no assunto! Mas a campanha levanta um assunto sério (que a gente não quer muito pensar) de uma forma leve e acessível. Esse foi o objetivo deste vídeo. Assista e espalhe a mensagem! Beijo grande!

Débora

 

  • Débora Lublinski

    Jornalista e mãe da Marina, Débora Lublinski trabalhou por 15 anos em revista feminina cobrindo beleza, saúde e bem-estar. Mas não vive apenas de glamour e sabe bem o malabarismo que é se cuidar sem descuidar dos filhos, da casa, do casamento e da carreira

Vale a pena dar uma olhada na minha seleção de produtos incríveis e
serviços que facilitam sua vida de mãe ;)