Um livro para falar de inimigos


Isabel Malzoni
por: Isabel Malzoni

No livro O inimigo, os autores falam temas difíceis da vida de forma encantadora (foto: Bel Malzoni)

Já que é a primeira vez que escrevo aqui, quero antes avisar que não sou especialista em literatura infantil e que nem filhos eu tenho, ainda. Os motivos pelos quais gosto tanto de livros para crianças têm mais a ver com a importância que as histórias tiveram na minha infância – as histórias que me foram contadas, as que eu li e mesmo aquelas que tentaram esconder de mim e que acabaram por ativar a minha imaginação!

Tirando essa questão da frente, eu começaria esse texto de novo dizendo que há certos livros que eu acredito serem capazes de escancarar os horizontes, ampliar o coração e ainda divertir os leitores, sejam eles pequenos ou grandes. Falar desses livros é o propósito desta coluna, livros que não são apenas lindos, mas também ensinam sobre a vida, fazem pensar e têm um jeito especial de abordar as questões mais importantes (ah, a literatura e seus poderes). Há muitas preciosidades escondidas nas prateleiras das livrarias e quero apresentar todo mês uma delas

Minha primeira indicação de leitura é O inimigo, de Davide Cali e Serge Bloch. Um daqueles livros que me surpreendeu desde a primeira vez que li e que ainda me deixa maravilhada. Ele começa assim:

“A guerra continua.

“Em algum lugar que poderia ser um deserto… há dois buracos. Nos buracos, dois soldados. Eles são INIMIGOS.”

 

Layout e ilustrações simples que prendem a atenção da criança (foto: Isabel Malzoni)

 

Uma das coisas mais louváveis deste livro é que ele é corajoso. Quando fala em inimigos, ele se refere a inimigos de verdade! Veja, não é que os personagens não se gostem simplesmente, ou desejem feiúras um para o outro: eles disparam tiros de fuzil todos os dias na tentativa de acertar o outro. “Tenho certeza que ele ficou sozinho também. E que tem fome. São as únicas coisas que temos em comum, o inimigo e eu. As diferenças entre nós são enormes. Ele é um animal selvagem, não conhece a piedade”, diz um dos soldados.

 

É muito provável que você esteja me achando uma maluca de sugerir um livro sobre violência para os seus filhos.  Calma! Juro que esta não se trata de mais uma dose de violência que parece perseguir os produtos culturais infantis (gente, o que são alguns desenhos animados que passam na TV e os videogames?). Outro aspecto essencial e encantador do livro é que, apesar de tratar de um sentimento tão ruim, a inimizade, ele o faz da maneira mais simples, sincera e, portanto, encantadora. Os inimigos se odeiam sim, mas graças à trama eles têm a oportunidade de se encontrar, de perceber que não são tão diferentes entre si assim, pelo contrário, e que o que sentem na verdade é medo, não ódio. Ah, se isso acontecesse nas guerras de verdade…

 

E não é só o texto que impressiona: as lindas ilustrações chegam à proeza de retratar uma cena de guerra com rabiscos ao mesmo tempo simples, delicados e que não menosprezam a inteligência da criança. É que tanto o escritor Davide Cali quanto o ilustrador Serge Bloch têm bastante experiência em retratar assuntos difíceis para crianças, como um outro livro que fizeram juntos, o“Fico à espera”, que trata da ordem da vida. Portanto, já que a violência, os conflitos e as inimizades existem – e esse infelizmente não será o primeiro contato do seu pequeno com essas realidades – que bom que podem virar literatura da boa.

 

Ficha técnica

O Inimigo

Autor: Davide Cali

Ilustrador: Serge Bloch

Tradutor: Paulo Neves

Editora: Cosac Naify

Páginas: 64

Preço: R$ 39

Faixa etária: a partir de 6 anos

 

Ótima leitura e até o mês que vem!

 

Bel Malzoni

 

 

 

  • Isabel Malzoni

    É jornalista e sócia da Editora Caixote, que publica livros infantis interativos, como Pequenos Grandes Contos de Verdade, finalista do Prêmio Jabuti. Mãe de Diego, divide-se entre os cuidados com o bebê, descobertas culinárias e muitos, muitos textos Isabel Malzoni é

Vale a pena dar uma olhada na minha seleção de produtos incríveis e
serviços que facilitam sua vida de mãe ;)