#FestaPerfeita: Calcule a quantidade de comida para festa


Redação It Mãe
por: Redação It Mãe
Nosso it-team produz o conteúdo mais antenado para mães
Quantidade de comida para festa It  Mãe

Calcular a quantidade de comida para festa pode ser um desafio. Normalmente, há a tendência a oferecer muito mais do que o necessário. Vai dizer que a sua família nunca comeu (por dias e dias) tudo o que restou da festa para não haver desperdício? Que atire a primeira pedra quem nunca levou salgadinhos da festa do filho para o trabalho no dia seguinte!

Sobrar um pouquinho faz parte – e é até gostoso, para comer no dia seguinte ou para oferecer marmitinhas aos convidados. Porém, se a sobra é muito grande, muita comida vai para o lixo. 

Entretanto, não há nada mais desesperador do que ver os convidados comendo e, ao mesmo tempo, perceber a comida acabando. Ligar para pedir esfihas? Ir à padaria comprar salgados prontos? Assumir que a comida acabou? O que fazer? 

Vamos dar um fim a esses perrengues! Agora, você vai aprender a calcular direitinho a quantidade de comida para festa. Também vamos dar sugestões de variações e possibilidades para o cardápio. 

Acredite, vale a pena conferir as dicas abaixo! 

1º passo: lista de convidados

Antes de qualquer coisa, é preciso definir a lista de convidados. Porque saber somente a quantidade não adianta. É necessário, também, saber a quantidade de crianças, adultos e idosos. 

Além disso, também vale saber alguma característica específica dos convidados da festa: há veganos? Vegetarianos? Diabéticos? Bebês que ainda não consomem açúcar? Tudo isso é importante. 

2º passo: horário da festa

Caso a festa aconteça no horário de alguma refeição importante, como almoço ou jantar, é preciso aumentar o número de salgadinhos, lanches, ou até mesmo pensar em contratar um buffet. 

Se você vai servir pratos quentes, o número de snacks e petiscos pode diminuir. Por outro lado, se você prefere ficar nos salgadinhos e docinhos, a conta é outra. 

3º passo: calculando a quantidade  

Festa com refeição  

Salgadinhos: 7 por pessoa 
Docinhos: 5 por pessoa 
Bolo: 100 gramas por convidado
Bebida: 600 ml por pessoa, fracionado em diferentes opções, como refrigerantes, sucos e cerveja, por exemplo. Para a água, calcule mais 500 ml por convidado.

Festa sem refeição 

Salgadinhos: 12 por pessoa
Docinhos: 6 por pessoa 
Bolo: 120 gramas por pessoa 
Bebida: 800 ml por pessoa, fracionado em diferentes opções, como refrigerantes, sucos e cerveja, por exemplo. Para a água, acrescente mais 500 ml na conta.

As quantidades acima devem ser consideradas para os adultos. Você pode pensar na metade de todos os itens para cada criança, ou contabilizar um adulto para cada duas crianças acima de 7 anos (assim, talvez seja mais fácil de fazer a conta final).

4º passo: especificações sobre as bebidas

Leve em consideração a previsão de temperatura para o dia. Se for uma festa ao ar livre e com muito sol, por exemplo, é válido aumentar a quantidade de bebida por pessoa. Já nos dias mais frios, a tendência é aumentar o consumo dos salgados e bebidas quentes, como vinho, por exemplo. 

Se for servir refrigerantes, lembre-se sempre de oferecer uma opção zero açúcar – o mesmo vale para os sucos. Porém, pense no passo nº 1 (lista de convidados). Caso você tenha certeza de que nenhum convidado consome bebidas sem açúcar, então você não precisa se preocupar com isso, e vice-versa. 

5º passo: especificações sobre as comidas

Caso seja um churrasco, calcule a quantidade de 300 gramas de carne por pessoa (variando entre carne vermelha e linguiça) e pelo menos mais 100 gramas de frango por pessoa. Não se esqueça dos acompanhamentos, como vinagrete, farofa, pão de alho e queijo coalho. 

Em relação aos salgadinhos de festa, tenha ao menos cinco opções diferentes, entre assados e fritos. Você também pode servir alguns tipos de lanches, como cachorro-quente, pipoca e crepes, por exemplo. 

6º passo: doces e bolos

Essa é a parte que costuma ser mais fácil. Definida a quantidade (que já especificamos acima), basta escolher os sabores. Se não quiser errar, invista no bolo de brigadeiro e nos docinhos brigadeiro e beijinho – clássico e sem erro. 

Se quiser variar, você pode escolher sabores de bolo mais refrescantes para as épocas quentes do ano (como os que levam frutas, por exemplo, para os dias de calor), além de docinhos mais gourmets, como mini brownies e brigadeiros de sabores variados. 

7º passo: garçons e garçonetes

Festas feitas em casa e para poucas pessoas, normalmente, não exigem a contratação de garçons. Quando a festa é mais íntima, os convidados podem, tranquilamente, serem servidos pelos anfitriões ou cada um ser responsável por si. 

Quando a festa tem uma lista com mais de 30 convidados, vale a pena contratar um profissional para te ajudar nesse momento. Do contrário, você passará a festa inteira se preocupando em servir a todos, e esse não é o objetivo. Então, a cada 30 ou 35 pessoas, um garçom é o suficiente.

Pronto. A partir de agora, você já sabe exatamente como calcular a quantidade de comida para festa.

  • Redação It Mãe

    Nossa equipe está sempre super antenada produzindo o melhor conteúdo para as mães. Tem alguma sugestão? Mande para contato@itmae.com.br

Vale a pena dar uma olhada na minha seleção de produtos incríveis e serviços
 que facilitam sua vida de mãe ;)